Apimprensa Associação Portuguesa de Imprensa

About Apimprensa

Este autor ainda não preencheu nenhum detalhe.
So far Apimprensa has created 137 blog entries.

Setembro 2022

O Metaverso e o fantasma ético que não tem direito a avatar.

2022-09-29T16:34:11+00:00

O contexto pandémico que temos atravessado foi, talvez, o maior acelerador da necessidade de levar para o digital/ virtual os diversos espaços físicos. Com este estímulo, o Metaverso entrou no nosso dia a dia de modo divertido, leve e despreocupado como aliás já se tinha verificado com as plataformas Second Life e Roblox (p. ex.). Tem-se apresentado muito prometedor no âmbito dos cuidados personalizado de saúde, na promoção de hábitos e dietas saudáveis ou até nas diversas estratégias empresarias. A questão que se coloca é se estamos perante o mesmo nível de desenvolvimento ao nível da antecipação dos desafios éticos e sociais que lhes são subjacentes. Em Privacy is Power a filósofia Carissa Véliz descreve, entre tantas outras coisas, como é que através de dispositivos como o nosso smartphone os dados recolhidos sobre gostos pessoais, hobbies, hábitos, relacionamentos, medos e problemas médicos são usados como moeda de troca entre empresas [...]

O Metaverso e o fantasma ético que não tem direito a avatar.2022-09-29T16:34:11+00:00

Descobertos dois raros super-mercúrios no mesmo sistema

2022-09-28T10:10:27+00:00

Ao observar o sistema HD 23472 com o espectrógrafo ESPRESSO (ESO), uma equipa, liderada pela investigadora do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) Susana Barros (IA & Dep. de Física e Astronomia da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto), encontrou três super-terras e dois super-mercúrios. Este último tipo de exoplaneta ainda é muito raro - contando com os dois agora descobertos, só se conhecem oito super-mercúrios. O objetivo desta investigação, agora publicada na revista Astronomy & Astrophysics, era caracterizar a composição de planetas pequenos e compreender como esta pode mudar com a localização e temperatura do planeta, e como está relacionada com as propriedades da estrela-mãe. Susana Barros explica que a equipa pretendia: “estudar a transição entre ter ou não ter uma atmosfera, o que pode estar relacionado com a evaporação provocada pela irradiação da estrela”. “A equipa descobriu que o sistema tem três super-terras com uma [...]

Descobertos dois raros super-mercúrios no mesmo sistema2022-09-28T10:10:27+00:00

Universidade de Coimbra colabora no desenvolvimento de armário de desinfeção inovador

2022-09-26T11:51:55+00:00

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), através da Coleção de Culturas de Bactérias da Universidade de Coimbra (UCCCB, na sigla em inglês), e a Dynasys, empresa de engenharia eletrónica e telecomunicações sediada em Setúbal, uniram esforços e conhecimentos para desenvolver uma solução de desinfeção inovadora rápida e fácil de usar. O designado NovirBox é um armário de desinfeção que recorre à nebulização ultrassónica do desinfetante VIRCOV BAC 360 da Inokem para a desinfeção de tecidos, roupas e calçado. «Graças à tecnologia de nebulização ultrassónica do NovirBox é possível gerar um aerossol do desinfetante com gotículas extremamente pequenas, o que permite que o desinfetante penetre nos poros dos tecidos da roupa e que chegue a todas as zonas do calçado», afirmam os responsáveis da empresa e os investigadores da FCTUC envolvidos.  O NovirBox distingue-se por ser «um sistema de desinfeção automático, programável, [...]

Universidade de Coimbra colabora no desenvolvimento de armário de desinfeção inovador2022-09-26T11:51:55+00:00

Astrónomos detectam bolha de gás quente em torno do buraco negro supermassivo da Via Láctea

2022-09-23T17:46:36+00:00

Com o auxílio do Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA), os astrónomos descobriram sinais de um ”ponto quente” em órbita de Sagitário A*, o buraco negro no centro da nossa Galáxia. Esta descoberta ajuda-nos a compreender melhor o meio enigmático e dinâmico que rodeia o nosso buraco negro supermassivo. “Pensamos estar a ver uma bolha de gás quente em torno de Sagitário A*, numa órbita semelhante em tamanho à do planeta Mercúrio, mas que completa uma volta em cerca de 70 minutos. Para que isso aconteça a velocidade a que se desloca tem que ser enorme, cerca de 30% da velocidade da luz!” explica Maciek Wielgus do Instituto Max Planck de Rádio Astronomia em Bona, na Alemanha, que liderou este estudo publicado na revista da especialidade Astronomy & Astrophysics. As observações foram obtidas com o ALMA nos Andes chilenos — um rádio telescópio que pertence parcialmente ao Observatório Europeu do Sul (ESO) [...]

Astrónomos detectam bolha de gás quente em torno do buraco negro supermassivo da Via Láctea2022-09-23T17:46:36+00:00

Investigação coordenada pela Universidade de Coimbra sobre reações dos jovens aos impactos da pandemia no turismo distinguida por editora científica internacional

2022-09-23T09:49:33+00:00

Uma investigação sobre o impacto da COVID-19 nos planos futuros e níveis de aceitação das restrições por parte das gerações mais jovens que Cláudia Seabra, docente da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC) e investigadora do Centro de Estudos de Geografia e Ordenamento do Território (CEGOT), coordenou foi distinguida com um “Emerald Literati Award 2022” na categoria “Outstanding Paper”, pela editora científica Emerald, que detém mais de 300 revistas em várias áreas disciplinares. A editora distingue, todos os anos, trabalhos científicos excecionais, não apenas para os jornais e livros científicos que edita, mas também para o conhecimento de forma alargada. O estudo “Restrictions’ acceptance and risk perception in a COVID-19 context by young generations”, publicado na revista científica International Journal of Tourism Cities, foi coordenado pela investigadora da Universidade de Coimbra (UC) e juntou investigadores de cinco países: Portugal, Egipto, Turquia, Paquistão e Reino Unido. O objetivo central [...]

Investigação coordenada pela Universidade de Coimbra sobre reações dos jovens aos impactos da pandemia no turismo distinguida por editora científica internacional2022-09-23T09:49:33+00:00

Telescópio Espacial James Webb revela detalhes inéditos de um berçário estelar

2022-09-22T12:23:09+00:00

A Nebulosa de Orionte, localizada a cerca de 1350 anos-luz da Terra, na direção da constelação com o mesmo nome, é uma região rica em material do qual se formam estrelas. É o berçário estelar com capacidade para formar estrelas de grande massa que se encontra mais próximo de nós. Pensa-se que é um ambiente semelhante àquele em que o Sistema Solar surgiu há mais de 4500 milhões de anos, e estudá-lo poderá revelar informações sobre os primórdios do nosso sistema planetário. O interior da Nebulosa de Orionte é obscurecido por grandes quantidades de poeira, o que impossibilita a sua observação por telescópios como o Telescópio Espacial Hubble (HST), que observa na luz visível. Mas essa limitação é ultrapassada com o Telescópio Espacial James Webb (JWST), que pode revelar o que está a acontecer no interior da nebulosa, através de observações na banda do infravermelho. Uma equipa liderada por investigadores [...]

Telescópio Espacial James Webb revela detalhes inéditos de um berçário estelar2022-09-22T12:23:09+00:00

Com a cabeça na lua

2022-09-21T14:18:14+00:00

E eis que a Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço (NASA) volta a estar nos holofotes da comunicação social. Tudo por causa do novo programa de exploração lunar denominado de Artémis. E porquê este nome? É que, segundo a mitologia grega, Artémis, irmã gémea de Apolo, era a deusa da vida selvagem, da caça e também da lua. Este foco no feminino não é por acaso. Estiveram na lua apenas homens brancos e a NASA expressa mesmo que um dos objectivos é termos a primeira mulher na superfície do nosso satélite. Mas para já a primeira fase do programa inclui apenas elementos não tripulados. Depois da tragédia de Apolo I, que em 1967 vitimou três astronautas num incêndio, a prudência faz todo o sentido. Aliás, os reveses nos lançamentos até à data são oportunidades para aprender e corrigir para que nada falhe no espaço. Nestas ocasiões há sempre vozes que [...]

Com a cabeça na lua2022-09-21T14:18:14+00:00

Bombas de sementes 100% portuguesas para a conservação da natureza

2022-09-20T15:26:59+00:00

Investigadores da Universidade de Évora (UÉ) pretendem promover o fabrico, otimização e desenvolvimento em pequena indústria de bolsas de sementes (seedballs) de proveniência regional certificada, e com interesse para a conservação, que possam ser utilizadas em projetos de conservação de natureza, de forma a preencher um nicho de mercado importante e crescente, providenciando material vegetal certificado e sustentável. O projeto visa desta forma preservar a identidade genética de cada região, facilitando o restauro de ecossistemas e evitando espécies invasoras. Esta ideia de negócio sob a responsabilidade de Erika Almeida, investigadora do Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento (MED) e estudante de Doutoramento em Biologia, da Universidade de Évora, sob mentoria de Anabela Belo, professora de Biologia a investigar na mesma unidade de investigação nas áreas da agricultura, ambiente e desenvolvimento, da UÉ, foi a vencedora do Prémio BPI - La Caixa, com o júri do concurso a considerar [...]

Bombas de sementes 100% portuguesas para a conservação da natureza2022-09-20T15:26:59+00:00

Estudo avalia o nível de mercúrio presente no peixe e marisco que o organismo consegue digerir

2022-09-19T13:21:05+00:00

Um estudo publicado na revista “Marine Pollution Bulletin” aponta a necessidade da criação de uma metodologia universal para estimar a bioacessibilidade do mercúrio (Hg), um metal pesado tóxico, em alimentos presentes na dieta mediterrânica, mais especificamente em espécies de peixe e marisco, e destaca a importância da integração de medidas de bioacessibilidade nas normas de segurança alimentar. A bioacessibilidade traduz-se no que o organismo humano pode absorver a partir dos alimentos que ingerimos e é um instrumento particularmente relevante para determinar quais os valores máximos de contaminantes que podem ser consumidos ao longo da vida sem risco para a saúde. Em concentrações muito baixas, o mercúrio não representa perigo para a saúde humana, mas a sua acumulação a longo prazo pode ter efeitos prejudiciais. Este estudo, liderado por Filipe Costa, do Centro de Ecologia Funcional da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), avaliou a fração de [...]

Estudo avalia o nível de mercúrio presente no peixe e marisco que o organismo consegue digerir2022-09-19T13:21:05+00:00

Investigadora da Universidade do Minho premiada por desenvolver um substituto ósseo bioativo

2022-09-19T08:33:44+00:00

Helena Pereira, aluna do doutoramento em Líderes para as Indústrias Tecnológicas da Escola de Engenharia da Universidade do Minho e do Programa MIT-Portugal, foi premiada no VI Concurso Pitch de Investigação do Grupo Compostela de Universidades, na Suíça, por apresentar um novo substituto ósseo com materiais bioativos, que pode ser absorvido pelo corpo humano e permitir a fase natural de regeneração óssea, melhorando a vida dos pacientes. O projeto está na fase exploratória e com testes in vitro nos laboratórios do Centro de Microssistemas Eletromecânicos da Universidade do Minho (CMEMS), em Guimarães. O osso é o segundo tecido mais transplantado do mundo e estima-se que 1,5 milhões de pessoas por ano sofrem uma fratura devido a doenças ósseas, com custos significativos para os sistemas de saúde, explica Helena Pereira. O problema afeta em especial os seniores e a Organização Mundial de Saúde prevê que no ano 2050 haja dois mil [...]

Investigadora da Universidade do Minho premiada por desenvolver um substituto ósseo bioativo2022-09-19T08:33:44+00:00
Go to Top